terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

acabou... eu acho

Minha vida é um filme que nunca vai passar em Hollywood, com atores de coadjuvantes de 1ª classe, mas com o ator principal retirado de um manicômio infantil.
Tentando fugir de toda a perseguição infame dos “fantasmas” que me rodeia, sejam eles fantasmas de antigos romances, de antigas amizades, ou de minha família. O Fato é que eu não os agüento mais, nem um pouco. Passo o dia inteiro pensando no porque dessa angustia voltar a me atormentar... Eu estava tão bem, feliz, apaixonado, bom... Ainda estou apaixonado, mas essa angustia parece uma sanguessuga, se alimentando da minha felicidade minuto a minuto, uma planta carnívora abocanhando cada fagulha de felicidade.
Eu ultimamente tenho tentado manter contato com a minha sanidade, mas parece que ela saiu de férias, me deixou só com um litro de café e um maço de cigarros... Os cigarros eu os joguei fora, mas o café... Bom o café tem sido meu companheiro, acordar e conversar com meus reflexos numa caneca, mantendo aquele diálogo como se fosse uma linha de assistência técnica.
Antes realmente fosse uma assistência técnica, você poder discar 0800 e poder falar – Olá minha vida anda meio estranha, o que eu posso fazer para modificar esse “ocorrido” nela? | e alguém do outro lado te dar as respostas, do modo correto, e sendo pratico, um verdadeiro passo-a-passo.
Talvez esteja na hora de desistir... Ou...

1 comentários:

luhrizzo (FCB) disse...

lendo o seu texto, viuma palavra entre aspas e me lembrei de um papo que tivemos no ano passado, quando vc pediu para eu corrigir o seu textinho. bateu muita saudades desse tempo. Vejo que quase nada mudou - entre nós dois - nesse meio tempo, fora o fato que você está apaixonado, e isso é muito bom para você. Espero que isso dê certo, porque os seus twitts apaixonados são muito comédias! xD
Seja feliz, babe.